4 Dicas Para Melhorar o seu Email Marketing

email_marketing1. Refinar a estratégia de aquisição
Aumentar a lista de subscritores é fundamental, seja em que setor for. Sendo do conhecimento de qualquer empresa de marketing digital, que o tamanho da lista é inegavelmente importante, é igualmente crítico percebermos que é importante capturar subscritores de qualidade, ou seja, que sejam relevantes para o objetivo da campanha. Para garantirmos que estamos a preencher a nossa lista com subscritores de alta qualidade, é preciso começar por analisar onde e como as pessoas na lista de e-mail estão a interagir com a nossa marca. A partir daí, temos de procurar formas para melhorar e ampliar essas interações de forma a estimular a compra.

2. Personalizar o conteúdo
Os dias de criar um batch e clicar em “enviar” sem qualquer tipo de seleção, já lá vão. Hoje em dia, no email Marketing, é imperativo segmentar o público alvo e a sua relevância, mesmo usando dados tão simples como localização e género, pode melhorar muito a experiência dos subscritores. Para além destes filtros mais simples e se quisermos ir mais além, enviar recomendações de produtos personalizados via email com base no histórico de navegação do assinante pode aumentar as taxas de conversão em até 25% e as taxas de click-through em até 35%.

3. Otimizar para mobile
Marcas que não conseguem otimizar as campanhas de email para plataformas móveis vão perder muitos subscritores. Com a tendência dos utilizadores a utilizarem cada vez mais os smartphones e tablets como o equipamento preferêncial para consulta de email, a otimização par mobile já não pode ser adiada.

4. Alavancar a acessibilidade dos email
Um subscritor pode facilmente arquivar e recuperar mensagens de email em qualquer dispositivo a qualquer hora e em qualquer lugar, o email é por isso, uma poderosa ponte para a comunicação de marca e ofertas. Ao não enviar regularmente ofertas por email, estamos a ignorar a maior audiência para esse tipo de conteúdo. Hoje em dia as pessoas interagem com as suas contas de email com tanta frequência, e é tão mais barato chegar até eles via email do que através de qualquer outro canal.

A fantástica utilidade que os emails pós-compra e de abandono de carrinho de compras reside na capacidade que nos dá de enviar ofertas em intervalos pré-definidos com base em estatísticas de ciclo de vendas e janelas de compra. Por exemplo, se chegarmos à conclusão de que os nossos assinantes fazem normalmente compras a cada 30 dias, podemos automatizar um email no dia 25 para estimular essa compra. Ou então, se automatizarmos um email a alertar o subscritor para o facto de que abandonou o carrinho de compras, e o enviarmos 48 horas depois do abandono ocorrer, podemos muito bem motivar um cliente que já estava interessado, e ajudamo-lo a dar o passo final da compra. Estas estratégias são altamente eficazes porque focam-se sobre os assinantes que já estão altamente direcionados para a compra.